Livraria Cultura

2

quarta-feira, 29 de julho de 2015

O Livro de Areia (Jorge Luis Borges)





































Mais frases & trechos selecionados pelos leitores: aqui!
















Assista ao vídeo:









sábado, 25 de julho de 2015

25 de julho: Dia do Escritor!





































Clique nas imagens e leia trechos dos livros:














"Quando o escritor se entedia escrevendo, o leitor se entediará lendo." 



















“O único recurso que conheço é o trabalho. A escrita tem leis de perspectiva, luz e sombra, assim como a pintura ou a música. Se você já nasceu conhecendo-as, ótimo. Se não, precisa aprendê-las. E depois precisa rearranjar as regras a fim de adaptá-las a si próprio.”

























"Um escritor dever ter a precisão de um poeta e a imaginação de um cientista."



















"Procure fazer com que seu talento não melindre o de seus companheiros. Todos têm direito à presunção de genialidade exclusiva."
















"Leia poesia todos os dias de sua vida. Poesia é bom porque exercita músculos que não são utilizados sempre. Poesia expande os sentidos e os mantém em forma. Ela mantém você consciente de seu nariz, olho, ouvido, língua, mão. E, acima de tudo, a poesia é uma metáfora compacta. Que poesia? Qualquer uma que arrepie os pelos dos seus braços."
















"Escrever um livro é uma luta desgastante horrível, como uma longa luta contra alguma doença dolorosa. Você jamais assumiria uma coisa dessas se não fosse levado por algum demônio que você não pode resistir ou entender."




























"Escrever é também não falar. É calar-se. É gritar sem ruído."

















































“Um escritor que esteja numa manhã produtiva, as frases fluindo uma após a outra, experimenta uma alegria serena e íntima. Essa alegria por si só libera, então, uma riqueza de pensamentos que pode gerar novas surpresas. Os escritores anseiam por momentos como esses, por manhãs como essas.”






































































“Descobri que as metáforas realmente boas são sempre as mesmas. Quer dizer, você compara o tempo a uma estrada, a morte ao sono, a vida ao sonho, e são essas as grandes metáforas da literatura, porque elas correspondem a algo de essencial.”














"O processo de escrever é feito de erros – a maioria essenciais – de coragem e preguiça, desespero e esperança." 
















"Um escritor deve acreditar que o que está fazendo é a coisa mais importante do mundo. E deve apegar-se a esta ilusão, ainda que saiba que não é verdade."


















"Aqui está uma lição de escrita criativa. Primeira regra: não use ponto e vírgula. Eles são travestis, hermafroditas que não representam absolutamente nada. Tudo o que eles fazem é mostrar que você foi para a faculdade."

















"Escrever é esquecer. A Literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida."


















"Seu público é mais esperto do que você imagina. Não tenha medo de experimentar com formatos de narrativa e mudanças temporais. Minha teoria pessoal é de que os jovens leitores se enjoam da maioria dos livros – não porque estes leitores sejam mais estúpidos que os leitores antigos, mas porque o leitor de hoje é mais esperto. Filmes nos tornaram muito sofisticados no quesito narrativa. E seu público é muito mais difícil de chocar do que você jamais poderia imaginar."















"Não se pode escrever nada com indiferença."





















"Escrever não é difícil, o difícil é não escrever."















































"A primeira condição de quem escreve é não aborrecer."


















"Um livro é uma vaidade."





















"(...) as bibliotecas de todo o mundo têm
bocejado até
adormecer
com os da tua espécie.
não sejas mais um.
não o faças.
a menos que saia da
tua alma como um míssil,
a menos que o estar parado
te leve à loucura ou
ao suicídio ou homicídio,
não o faças.
a menos que o sol dentro de ti
te queime as tripas, não o faças. (...)" Trecho do poema "Então queres ser um escritor?"

















"A única responsabilidade do escritor é para com sua arte."


















"O autor na sua obra, deve ser como Deus no universo, presente em toda a parte, mas não visível em nenhuma."
























"Escrever um livro tem a mesma dose de ansiedade que contar uma anedota e ter que esperar vários anos para saber se teve ou não graça."





















"Se queres fazer um livro poderoso, deves escolher um tema poderoso."























"A linguagem encaixa na experiência com uma camisa de força."









Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...